Papa São João Paulo II (1978-2005)


Sobre a terceira parte do Segredo de Fátima,

a comunhão na mão,

e a grande prova da Igreja.

Reproduzimos de seguida, integralmente, o artigo da revista

alemã Stimme des Glaubens, nº 10/81, 20 de Maio de 1981:

Papa João Paulo II: “A grande prova não pode mais ser evitada”

Quando o Papa João Paulo II esteve em Fulda, foram-lhe colocadas várias perguntas por um pequeno grupo: sobre o terceiro segredo de Fátima, sobre comungar na mão, sobre o futuro imediato, etc. Um dos participantes registou o sucedido com base na sua memória. Nome e autenticação estão disponíveis na redacção. Segue-se um excerto desse registo. Pergunta: «E o que se passa com o terceiro segredo de Fátima? Não deveria ter já sido publicado em 1960?»

Resposta do Santo Padre: «Por causa da gravidade do seu conteúdo, os meus antecessores na cadeira de Pedro optaram por uma redacção diplomática, de forma a não encorajar o poder mundial do comunismo a tomar certas atitudes. Para além disso, deveria ser suficiente para todos os cristãos saberem isto: se estiver escrito que os oceanos inundarão totalmente várias áreas da terra e que, de um momento para o outro, pessoas morrerão, milhões delas, então de certeza que não se ansiará mais pela publicação deste segredo. Muitos só querem saber por curiosidade e por um gosto pelo sensacionalismo, mas esquecem-se que o conhecimento também significa responsabilidade. Assim apenas se esforçam por satisfazer a sua curiosidade. Isso é perigoso, ainda para mais se, simultaneamente, não estiverem dispostos a fazer nada, porque dizem que não se pode fazer nada contra o mal». Nesse momento, o Papa pegou num Terço e disse: «É este o remédio contra o mal.Rezai, rezai e não perguntem mais nada. Confiai tudo o resto à Mãe de Deus». Pergunta: «Santo Padre, Vossa Santidade dá a comunhão na mão?»

Resposta do Santo Padre: «Existe uma carta apostólica que legitima a existência desta autorização especial. Eu pessoalmente digo que não sou a favor e que também não a posso recomendar. Mas como essa autorização especial existe aqui e corresponde ao desejo de cada bispo diocesano, submeti-me à realidade destas dioceses». Pergunta: «O que acontecerá à Igreja?»

Resposta do Santo Padre: «Temos de nos preparar, muito em breve, para grandes provas, provas essas que podem exigir de nós o sacrifício da nossa própria vida e a entrega total a Cristo e por Cristo! Este momento pode ser atenuado através das vossas e das nossas orações, mas não pode mais ser evitado, porque só desta forma é que se concretizará a renovação efectiva da Igreja. Quantas vezes é que a renovação da Igreja proveio do sangue. Também desta vez não sucederá de forma diferente. Sejamos fortes, preparemo-nos e confiemos em Cristo e na Sua Mãe. Rezemos muito e com muita assiduidade o Terço».

Contacte-nos: info@permariam.org    |       +351 25 213 0513       

Todos os direitos reservados

© Per Mariam, 2019